quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Volta às aulas 2010


Se eu fosse um educador

Eu queria que pais e alunos soubessem o tamanho do esforço que toda a comunidade escolar faz durante todo o ano letivo para que nossos estudantes possam aprender cada vez mais e melhor.

Eu gostaria que todos os pais de alunos, acompanhassem de perto o desenvolvimento de seus filhos na escola. De pedir àqueles cujos filhos apresentam baixo rendimento escolar, que tivessem um interesse constante pelo aprendizado de seus filhos e cuidassem com afinco da educação escolar deles. Que valorizassem a escola onde eles estudam. Que participassem mais, e de uma forma mais efetiva, das reuniões de pais e mestres, porque essa é a forma positiva de se superar todas as dificuldades. Porque assim, juntos, estaremos formando, educando e construindo, a tão necessária, confiança mútua entre pais, professores e alunos. Aqui, todo esforço é válido para que o aluno seja atuante na procura da aprendizagem, e possa assim, se desenvolver, e se tornar um cidadão consciente e capaz de responder aos desafios dos tempos atuais.

Gostaria também de dizer que nos sentimos extremamente orgulhosos com nossos alunos e ex-alunos, que conseguem pontuar bem no ENEM, nos concursos públicos, nos vestibulares, e com todos aqueles que se formaram e que estão se formando nas faculdades que escolheram. E que este é o prêmio maior que recebemos dos jovens guaraciensis, que nos fazem crer que nosso ensino é bom, e nos motiva a continuarmos lutando para nos aprimorarmos em qualidade.

Se eu fosse pai de alunos
Como responsável pela orientação do rumo que meus filhos irão tomar na vida, sei, observo e valorizo o exemplo daqueles meninos que se saíram melhor na vida, porque seguiram o caminho esforçado dos estudos. Entendo que mais educação é mais saúde, mais possibilidade de emprego, mais renda, mais desenvolvimento, mais qualidade de vida, mais democracia, menos violência. Sei que o mercado de trabalho é, a cada ano, mais concorrido. Sei também que o desafio de hoje, está em criar em nossos filhos o desejo, não de serem somente bons alunos, mas o de serem ótimos alunos, para que possam enfrentar a vida que vem pela frente. Sei que as reuniões de Pais e Mestres são importantes, então, quero participar, de todas elas.

Se eu fosse um aluno dedicado aos estudos
Eu queria dizer à comunidade escolar, que fiquei fora do ritmo de aula nessas férias e, por isso, preciso de um tempo para me adaptar novamente, à vida na escola. Dizer que não corram com as matérias porque muitas vezes não consigo entender tudo o que me é explicado, principalmente agora, no começo do ano.
Quero repetir a meus pais que, neste ano, vou me esforçar para anotar tudo que é importante nas aulas, e depois em casa, vou revisar toda a matéria dada. Quero fazer as tarefas dentro do prazo, quero ler mais e escrever mais para melhorar minha redação, e quero fazer mais exercícios e receber notas mais altas.

Se eu fosse uma escola
Eu queria fazer uma carta aberta aos pais e alunos:

Guaraci, Fevereiro de 2010.
Bem-vindos à Escola


É um prazer recebê-los para o ano letivo de 2010. Espero que todos vocês tenham gostado das férias de verão e tenham encontrado tempo para relaxar, explorar, desfrutar, e estarem mais pertos da família e dos amigos.

Será um grande prazer trabalharmos juntos neste ano de 2010.

Itens importantes como, manutenção da estrutura física dos prédios, montagem do calendário da escola, consolidação dos dados da escola, planejamento do tempo, atualização da coordenação pedagógica, definição das competências e conteúdos, dos insumos básicos, dos materiais complementares, organização do espaço, previsão de alimentação, e todos os outros pertinentes ao bom andamento das aulas, foram todos revistos e estarão prontos a tempo para o início das aulas, para que possamos receber bem nossos alunos.

Sabemos que podemos contar com todos vocês para seguir as orientações pela busca de conhecimento. E nós nos esforçaremos para oferecer o melhor ensino possível para todos os alunos de Guaraci, dentro de uma atmosfera de autodisciplina e respeito pelos outros. Nossos professores dão o melhor de si em suas aulas para facilitar a aprendizagem dos alunos e para que eles sejam bem preparados, social e emocionalmente, a fim de que possam se tornar cidadãos conscientes e bem sucedidos.

Estamos positivamente envolvidos com a educação e nossas portas estarão sempre abertas para vocês.

Atenciosamente,
...Sua escola


Lembrete aos alunos guaraciensis
Pensando na escola, o que você quer se lembrar?
Você pode se lembrar do barulho do pátio lotado e dos sons de seus passos na sala de aula vazia? Do movimento da luz das janelas, do brilho do piso, enquanto você atravessava os corredores? Da alegria da hora do recreio entre a turma de colegas de classe? Você pode se lembrar do cheiro de madeira, do cheiro do pátio, da comida da escola? Será que um dia você vai reconhecer que o melhor dos presentes para seus pais é fazê-los perceber o tanto que você aprendeu na escola? E pensando na escola, será que um dia você vai se lembrar que ganhava mais respeito por quanto mais você aprendia? Ah, mas uma coisa é certa, você no futuro, poderá não se lembrar dos professores e de suas escolas de Guaraci, mas vai ser dono de tudo o que aprendeu aqui - pelo resto de sua vida!

Depois de amanhã, dia 05 de Fevereiro, eu completo 58 anos, e hoje, tenho muito que agradecer a tudo que aprendi nas escolas do Zuquim e do Santana. E digo que me lembro dos meus colegas de classe, dos meus professores, dos meus erros e acertos de aprendizagem, dos momentos de calma e de agitação que vivi quando cruzava livre entre as dependências dessas queridas escolas.

"Educar é crescer. E crescer é viver. Educação é, assim, vida
no sentido mais autêntico da palavra." Anísio Teixeira.


É isso aí, molecada!
Boa volta às aulas! E muito Juízo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário